A Paris do Oriente Médio: lembrando o jet set libanês

Na década de 1960, o Líbano era o lugar para ser visto. Conhecida como a 'Paris do Oriente Médio', o país abrigava um estilo de vida glamoroso do jet set que atraía ricos e famosos de todo o mundo. Das praias de Beirute às pistas de esqui do vale de Bekaa, o Jet Set libanês era o epítome do luxo e da sofisticação.

O Jet Set libanês era formado pelas famílias mais ricas e influentes do país. Eles eram os formadores de opinião da época, estabelecendo o padrão de moda, música e cultura. Eles também foram os primeiros a abraçar a nova onda de celebridades internacionais, de estrelas de Hollywood à realeza árabe. O Jet Set libanês era um grupo unido e suas festas eram lendárias.

O Estilo de Vida Glamoroso do Jet Set Libanês

O Jet Set libanês viveu uma vida de luxo e extravagância. Eles tiveram acesso aos melhores restaurantes, clubes e resorts do país. Eles também eram conhecidos por suas festas luxuosas, que eram frequentadas pelos nomes mais famosos do mundo. Das praias de Beirute às pistas de esqui do vale de Bekaa, o Jet Set libanês era o epítome da sofisticação e do glamour.

O Líbano é conhecido como 'A Paris do Oriente Médio' devido à sua rica história e cultura. Durante a década de 1950 e 1960, o país era o lar de uma jet set internacional, que incluía celebridades, artistas e políticos. Esta é a história de como o Líbano se tornou o destino mais desejado do Oriente Médio. Se você quiser saber mais sobre o assunto, leia A Paris do Oriente Médio: lembrando o jet set libanês . Além disso, para aqueles que querem se sentir como parte desta jet set, considere adquirir um jaqueta de fumar moderna ou até mesmo fazer uma viagem de safári como a que o Príncipe Harry fez com Meghan Markle .

O Jet Set libanês também era conhecido por sua filantropia. Eles eram generosos com sua riqueza, doando para instituições de caridade e apoiando causas importantes para eles. Eles também eram apaixonados pelas artes, e muitos deles eram patronos das artes, apoiando artistas e músicos locais.

O Legado do Jet Set Libanês

O legado do Jet Set libanês vive até hoje. O país ainda é conhecido por seu estilo de vida luxuoso e muitas das mesmas famílias ainda são influentes no país. O Jet Set libanês foi um grupo único de pessoas que deixou uma marca indelével no país e no mundo.

O Jet Set libanês foi um grupo único de pessoas que deixou uma marca indelével no país e no mundo. Das praias de Beirute às pistas de esqui do vale de Bekaa, o Jet Set libanês era o epítome do luxo e da sofisticação. Eles eram criadores de tendências, filantropos e patronos das artes, e seu legado vive até hoje.

Conclusão

O Jet Set libanês foi um grupo único de pessoas que deixou uma marca indelével no país e no mundo. Das praias de Beirute às pistas de esqui do vale de Bekaa, o Jet Set libanês era o epítome do luxo e da sofisticação. Eles eram criadores de tendências, filantropos e patronos das artes, e seu legado vive até hoje.

Para mais informações sobre o Jet Set libanês, visite libanon-history.com ou libanon-guide.com .